Primeira Vez...

 

Primeiro foi um sorriso

Depois quase sem aviso

Que o beijo aconteceu

Nesse infinito segundo

Fora de mim e do mundo

A minha voz emudeceu

Ficaram gestos suspensos

E os desejos imensos

Como poemas calados

Teceram a melodia

Enquanto a lua vestia

Nossos corpos desnudados

Duas estrelas no meu peito

No teu meu anjo perfeito

A voz de buzios escondidos

Os lençóis ondas de mar

Onde fomos naufragar

Como dois barcos perdidos

Os lençóis ondas de mar

Onde fomos naufragar

Todos os nossos sentidos...

 

 

publicado por sharyna às 12:32
sinto-me: